G Geral

Profissionais das redes pública e privada participam de capacitação sobre enfrentamento à violência sexual

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Dentro do “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, lembrada em 18 de maio, a Secretaria Municipal de Assistência Social de Campo Novo do Parecis, promoveu capacitação sobre enfrentamento à violência sexual, destinado a profissionais de educação, saúde e assistência social.

 

“Foi realizado com professores uma capacitação com Psicólogos, Assistentes Sociais e as Conselheiras Tutelares no dia 08/05. E com os alunos estão sendo palestras de conscientização nas escolas municipais, estaduais e privadas. Além dessas ações e estratégias acima também foi realizado pitstop na Av. Brasil (altura do Sicredi) e na Av. Amapá (prox. da Av. Minas Gerais)", disse o psicólogo Eder Leandro.

 

18 de maio

A data foi escolhida como dia de mobilização contra a violência sexual porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. A proposta do “18 de maio” é destacar a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa de crianças e adolescentes. O esforço da mobilização visa sensibilizar e garantir a toda criança e adolescente o direito ao desenvolvimento de sua sexualidade de forma segura e protegida, livres do abuso e da exploração sexual.

 

Secretaria de Assistência Social