The Best bookmaker bet365

Menu


Deprecated: Non-static method JApplicationSite::getMenu() should not be called statically, assuming $this from incompatible context in /home/parecis/public_html/portal/templates/parecis_net/lib/framework/helper.layout.php on line 111

Deprecated: Non-static method JApplicationCms::getMenu() should not be called statically, assuming $this from incompatible context in /home/parecis/public_html/portal/libraries/cms/application/site.php on line 272

Deprecated: Non-static method JApplicationSite::getMenu() should not be called statically, assuming $this from incompatible context in /home/parecis/public_html/portal/templates/parecis_net/lib/framework/helper.layout.php on line 111

Deprecated: Non-static method JApplicationCms::getMenu() should not be called statically, assuming $this from incompatible context in /home/parecis/public_html/portal/libraries/cms/application/site.php on line 272

Governo de MT nega dívida e diz que não vai repassar verba a hospitais filantrópicos

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), apoia financeiramente as prefeituras de Cuiabá e de Rondonópolis com repasses financeiros, que são usados pelas secretarias municipais de Saúde para o custeio de serviços médicos, incluindo aqueles contratados junto aos hospitais filantrópicos. Portanto, com os hospitais filantrópicos não existe diretamente nenhum contrato e nenhuma dívida como foi divulgado.
 
No final de 2016, diante das dificuldades financeiras enfrentadas pelos hospitais filantrópicos, o governador Pedro Taques autorizou um repasse emergencial para os hospitais durante três meses. Conforme portaria assinada foram repassados R$ 2,5 milhões nos meses de dezembro de 2016, em janeiro e fevereiro de 2017, totalizando um repasse de R$ 7,5 milhões. 
 
O valor mensal era para ser dividido entre a Santa Casa de Rondonópolis, e mais os hospitais de Cuiabá: Santa Casa, Santa Helena, HGU e Hospital do Câncer. Entretanto, a intenção dos representantes filantrópicos é que o governo do Estado continuasse com a ajuda financeira pelos meses seguintes.
 
No dia 18 de julho dirigentes dos hospitais filantrópicos se reuniram com o governador Pedro Taques e representantes da SES para falar sobre as dívidas dos hospitais. Na reunião, foi explicado que, sem dinheiro novo, o Estado não tinha condições de continuar com o auxílio financeiro, diante da crise econômica e da escassez de recursos.

Compartilhar esta postagem

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn
back to top
Banner 640X100 WhatsApp

Comentários Facebook API

Usando sua conta do Facebook para comentar você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas pelo Portal de Notícias Parecis.Net.

The best bookmaker bet365.artbetting.co.uk